Filtros industriais e a importância da ultrafiltração

Filtrar significa, no sentido prático: submeter a controle, retendo o essencial ou o desejado. É separar o que é necessário, segundo um critério.

Quando falamos em filtros industriais, estamos abrangendo praticamente com todos os setores industriais, pois seu uso é cada vez mais importante e exigido segundo normas de qualidade ou legais.

Na indústria alimentícia, o filtro industrial e a ultrafiltração aparecem também nos processos produtivos de bebidas como sucos, óleos vegetais, leite e derivados. Além de sua principal função, que é obter melhorias no processo e na qualidade do produto final, o uso correto dos filtros industriais reduzem custos operacionais como o de manutenção, ou mesmo do tempo de serviço.

Como são os filtros industriais

Os filtros industriais podem funcionar:

  • por ação da gravidade, o líquido flui devido a existência de uma coluna hidrostática;
  • por ação de força centrífuga;
  • por meio da aplicação de pressão ou vácuo para aumentar a taxa de fluxo.

 Os fatores mais importantes para a seleção de um filtro industrial são:

  1. resistência específica do meio poroso de filtração;
  2. a quantidade de suspensão a ser filtrada;
  3. a concentração de sólidos na suspensão;
  4. a facilidade de descarregar as partículas (torta) formada no processo de filtração.

Processos de filtração nas indústrias

No caso dos setores industriais que processam alimentos, os processos mais comuns são:

Osmose reversa

Na osmose, coloca-se uma membrana semipermeável e de um lado temos o solvente (água) e de outro um soluto.

Ultrafiltração

É um processo de filtração por membrana muito similar à osmose reversa.

A pressão é usada para obter uma separação de moléculas utilizando uma membrana  polimérica semipermeável, de poros extremamente finos que separa solutos de alto peso molecular como proteínas, polímeros. Um exemplo é o uso da ultrafiltração do leite líquido para aumentar e fortalecer suas proteínas.

Microfiltração

Nesse processo, o fluido passa pela membrana sob pressão com o objetivo de separar partículas de tamanho mícron. Ou seja, aquelas que são maiores que as separadas na ultrafiltração, como bactérias, bolores e leveduras e em alguns casos pigmentos de tinta.

Filtro de cartuchos

Esse tipo de filtro é muito utilizado para filtração de água na indústria alimentícia e o processo de limpeza do cartucho é feito automaticamente através de pulsos de ar comprimido.

O fluido a ser filtrado é colocado sob pressão dentro de uma carcaça e as partículas de 5 a 15 micras ficam retidas. O controle de troca de filtros é por diferencial de pressão na entrada e saída do filtro.

Existem outros tipos de filtros de cartuchos cujo mecanismos de filtração é por profundidade. Eles possuem um aspecto fibroso, que pode ser um emaranhado de fibras ou mantas sobrepostas. A retenção vai depender do fluxo e da pressão.

Principais processos e aplicações

  • Bebidas não alcoólicas: água engarrafada, refrigerante, sucos;
  • Bebidas alcoólicas: vinho, cerveja;
  • Lácteos: queijo, iogurte;
  • Indústria farmacêutica: água ultrapura, ar estéril, ar de instrumentação;
  • Conservas e congelados: água de processo, ar estéril;
  • Processamento de alimentos: ar estéril, água de processo.

Ultrafilter Donaldson

Frank Donaldson fundou a Donaldson em 1915 e começou fabricando soluções de filtragens para tratores agrícolas.

Hoje, após 100 anos, a Donaldson é líder mundial em filtragens para diversos setores industriais. Com mais de 1500 patentes, se tornou referência em pesquisa para o desenvolvimento de produtos inovadores como a linha Ultrafilter para as indústrias.

 

E nós da Vaportec, que completamos 20 anos fornecendo equipamentos, acessórios e tecnologia para automação e refrigeração industrial, temos o orgulho de trazer esses produtos inovadores para atuais e futuros clientes. São filtros sanitários, elementos filtrantes e carcaças para filtragem de processos.

Se quiser falar conosco, estamos sempre à disposição.

Equipe Vaportec